Motorista da carreta 'Explosão' disse à polícia que fazia uma curva quando atingiu as duas pessoas; inquérito foi aberto para investigar o caso. Mulher foi socorrida em estado grave.
Segundo a Polícia Civil, Marcio Perico, de 40 anos, morreu no local.

Duas pessoas foram atropeladas na noite deste sábado (28) por uma carreta infantil ‘Explosão’ que fazia passeios em Espírito Santo do Pinhal (SP). Segundo a Polícia Civil, Marcio Perico, de 40 anos, morreu no local e uma mulher foi socorrida em estado grave.

A polícia informou que o atropelamento aconteceu logo depois das 21h, no Centro da cidade. O veículo seguia pela Avenida Oliveira Mota e, segundo depoimento do motorista aos policiais, teve que “abrir a curva” para conseguir fazer uma conversão e entrar na Rua Doutor Acrísio. A carreta tem 14 metros de comprimento.

Neste momento, ele sentiu um solavanco no veículo, parecendo que tinha passado por cima de algo. Ao parar, ele viu que tinha atropelado duas pessoas. O homem atingido morreu no local e a mulher, de 44 anos, foi socorrida com ferimentos graves.

O motorista passou pelo exame de etilômetro, que deu negativo para consumo de bebidas alcoólicas. Também foi colhida amostra de sangue para o exame.

A perícia foi acionada e a Polícia Civil investiga como o casal foi atingido no acidente.

O corpo de Marcio Perico é velado no Velório Municipal de Espírito Santo de Pinhal, e o enterro está marcado para 17h.

Informações do site G1/Campinas e fotos JL.

O motorista passou pelo exame de etilômetro, que deu negativo para consumo de bebidas alcoólicas.