Familiares acreditam em execução.

Em Congonhal, por volta de 21h20min desta sexta-feira, 09, a Polícia Militar foi acionada por um popular a comparecer à Rua Vereador Luiz Rodrigues Franco, Bairro Bela Vista, onde segundo informações, teria acontecido um homicídio. Os militares deslocaram imediatamente ao local para verificarem a veracidade dos fatos, sendo que, ao chegarem, depararam com a porta principal da casa fechada e o portão da garagem aberta. Temendo que alguém estivesse no interior da residência e para confirmar os fatos narrados, os militares adentraram pela garagem, e no interior da casa, se depararam com um homem de 29 anos caído ao solo, a princípio com duas perfurações na cabeça, e com muito sangue pela sala, sendo constatado ainda que a vítima não possuía sinais vitais aparentes. Os militares fizeram o isolamento do local e acionaram a perícia da Polícia Civil de Pouso Alegre que compareceu e realizou os trabalhos de praxe e liberou o corpo para a Funerária.

A esposa da vitima de 31 anos alegou que estava lavando roupa quando foi surpreendida por um homem armado e encapuzado que teria pulado o muro dos fundos da residência e a abordado, ordenando que não olhasse para ele. Mais dois homens encapuzados e com blusas de frio escuras teriam entrado na residência, porém a esposa não soube informar maiores características e não soube reconhecer nenhum dos homens e que apenas um deles portava uma arma de fogo tipo pistola na cor prata.

A esposa alegou também que foi colocada no quarto junto com seus filhos (um menino e uma menina) e seu sobrinho, e que após alguns segundos escutou disparos de arma de fogo seguidos por barulho de pessoas correndo para fora da residência. Alegou ainda que após o ocorrido, saiu do quarto e se deparou com o corpo de seu marido caído na sala e que neste momento teria pego as crianças e saído da residência passando pela garagem, onde percebeu que haviam subtraído o veículo GM Prisma de cor cinza e nada mais foi levado. A esposa deslocou a pé até a casa de seu padrasto, onde foi pedir socorro.

A Polícia Militar recebeu informações que os autores evadiram tomando a BR-459 sentido a cidade de Ipuiuna/MG, porém até o fechamento deste registro, os mesmos não foram localizados. A Polícia Militar continua no rastreamento e orienta a comunidade para quem tiver qualquer informação ligar no 190 e que seus dados serão mantidos em absoluto sigilo.

Informações do jornalista Fernando Lima